Você já parou para pensar como bancos ganham dinheiro? Não é novidade que eles lucram muito. Observando o cenário brasileiro, você vai perceber que, se a economia nacional vai bem, os bancos vão bem. Por outro lado, se a economia vai mal, digamos que, para a maioria dos bancos, as coisas parecem ainda melhores!

No segundo trimestre de 2017, o Itaú Unibanco registrou o maior lucro líquido entres as empresas nacionais de capital aberto: cerca de R$ 6,01 bilhões no período. O Bradesco veio na sequência, com ganhos R$ 3,09 bilhões, seguido pelo Banco do Brasil, com R$ 2,6 bilhões.

Agora que você sabe que os faturamentos dessas instituições financeiras são realmente altos, vou te mostrar como elas fazem para receber esse dinheiro. Boa leitura e saiba que estou aqui para te ajudar a investir melhor, só entrar em contato.

Como bancos ganham dinheiro?

A principal área de negócios do setor bancário é o crédito. Essas organizações ganham dinheiro através dos juros cobrados em empréstimos fornecidos aos clientes, porém, essa não é a sua única fonte de lucro.

Existem dois tipos de operações que geram lucros aos bancos: as de investimento, que são as famosas “operações ativas”; e também as de prestação de serviço, que são fornecidas aos seus clientes.

Quando falo de operações de investimento ou ativas, estou falando de operações que geram rendimentos, mas com nível de risco. A operação mais conhecida são os créditos. O banco empresta dinheiro a um cliente e o obriga, através de um contrato, a pagar a dívida incluindo as taxas de juros e comissões. Se sua conta está negativa ou se você pediu algum empréstimo ao banco, posso dizer que ele está concedendo um crédito e está sujeito a um certo risco. Logo, ao regularizar sua situação com o banco, será necessário pagar juros e comissões.

Através das operações de prestação de serviço, os bancos conseguem ganhos consideráveis. Os serviços prestados são: serviços de caixa (pagamento e cobranças); transferência de dinheiro; compensação e domiciliações (taxas, obrigações e ordenados). Além desses, existem também os serviços especializados: investimentos (cobra por colocação e garantia de emissão); cartão de crédito; home banking e também dinheiro disponível 24 horas em caixas multibancos.

Agora que apresentei os dois tipos de operações geradoras de dinheiro para os bancos, vou listar e explicar as principais atividades causadoras dos lucros, que estão dentro das operações. Confira a seguir:

1. Fazendo empréstimos e recebendo dinheiro

Você pode estar se perguntando agora de onde vem o dinheiro que os bancos usam para emprestar aos seus clientes.

É preciso entender que os bancos são agentes centrais financeiros. Eles intermedeiam recursos de poupadores (aqueles que realizam depósitos nos bancos para que os mesmos cuidem do seu dinheiro) e de investidores (aqueles que necessitam de recursos financeiros para aplicação, aquisição de bens, produção, entre outros).

Como os bancos cuidam do dinheiro dos poupadores, eles utilizam o dinheiro para emprestar a outras empresas ou pessoas, que em troca pagam taxas e juros aos bancos.

Quem guarda dinheiro em conta poupança até recebe uns juros do banco para deixar o dinheiro na conta. Se uma pessoa aplica, por exemplo, R$ 1.000.000,00 na poupança, ao final do ano ela terá R$ 1.060.400,03 (quase nem corrige a inflação!). Agora imagine o contrário: e se uma pessoa estiver devendo R$ 10.000,00 ao banco? Se a dívida for de cheque especial, depois de 12 meses ela estará devendo até R$ 43.345,00. Essa diferença de juros se chama spread bancário. Entenda:

SB = JRPB – JPPB

SB (Spread Bancário); JRPB (Juros recebidos pelo banco); JPPB (Juros pagos pelo banco).

2. Ordens de Pagamentos

É muito comum que lojistas ofereçam descontos às pessoas que pagam em dinheiro, não é mesmo? Isso ocorre porque uma das receitas dos bancos é o processamento de pagamentos, que são feitos com cheques ou cartões de crédito.

Os bancos cobram das pessoas, através de suas faturas, pagam os lojistas e, normalmente, ficam com cerca de 3% do valor da venda pelo serviço.

3. Taxas e Juros

Como já expliquei, os juros cobrados pelos bancos são altíssimos, sendo claramente o destaque no faturamento dos bancos. Porém, em alguns bancos, existem várias taxas cobradas pelos serviços, que podem ser também de diferentes valores.

Até 2008, os bancos podiam cobrar qualquer tipo de taxa, mas em 2017 o Banco Central criou um conjunto de regras com todas as taxas que podem ou não ser cobradas.

As taxas mais comuns dos bancos cobrarem são: taxas de manutenção da conta corrente; transferência para bancos diferentes; emissão e anuidade de cartões de crédito.

4. Tesouraria

Os bancos também costumam fornecer auxílio na administração do dinheiro disponível em caixa, independentemente da quantia.

Por esses serviços são cobradas taxas ou a empresa pode adquirir algum outro tipo de serviço (empréstimos, câmbio ou financiamentos).

5. Compra de títulos

Existem leis que proíbem os bancos de emprestarem todo o dinheiro que recebem. Essas medidas visam à segurança dos clientes. Parte do dinheiro deve permanecer em caixa ou então em investimentos de baixo risco e alta liquidez.

Como esses investimentos pagam juros, o banco também acaba tendo benefícios em sua receita.

6. Serviços financeiros

Os bancos também ganham dinheiro oferecendo outros serviços a seus clientes, como: seguros, planos de previdência privada e fundos de investimentos.

Vale lembrar que qualquer um desses serviços está sujeito à cobrança de taxas ou comissão pelo banco, que não são baixas, o que não ocorre se comparado com outros tipos de empresas que oferecem os mesmos serviços financeiros, como as corretoras de investimento normalmente com valores bem menores e com a mesma segurança.

Além disso, a rentabilidade é baixa se comparada também com as corretoras, pois há um conflito de interesses entre banco e cliente: o banco está mais interessado em aumentar sua renda do que em fornecer melhores rendimentos aos seus clientes. E outro ponto importante, o gerente do banco por melhor que for é limitado aos produtos do banco ou tem o viés de recomendar preferencialmente produtos da instituição que paga o salário dele e direciona as metas, bom ficar de olho.

É fato que os bancos precisam do meu e do seu dinheiro para continuarem atuando, ou seja, emprestando dinheiro e recebendo juros altíssimos. Afinal de contas, o foco dessas organizações é justamente ganhar dinheiro, desde uma conta corrente até os investimentos. Alguma vez você já calculou quanto paga ao seu banco? Que tal agendar um diagnóstico com um assessor da Pense Investimentos? É muito importante saber qual a melhor forma de guardar e investir o seu dinheiro.

Conseguiu tirar todas as suas dúvidas sobre como bancos ganham dinheiro? Assine a nossa newsletter e receba mais conteúdos de qualidade direto na sua caixa de entrada!

Guia Pratico 2.0 Investindo em Tesouro Direto